Lesões do ombro

Lesões do ombro

O ombro é uma articulação complexa e é aquela que apresenta maior eixo de movimento, podendo executar movimentos simples ou conjugados.

 Para que todos estes movimentos ocorram de uma maneira normal é indispensável a integridade muscular, óssea, tendínea e articular.

 Nesta articulação participam três ossos: a clavícula, o úmero e a omoplata.

 A articulação do ombro pode ser instável porque a cabeça do úmero é maior do que a cavidade da omoplata onde se insere. Para que permaneça estável, o úmero é mantido na sua posição por músculos, ligamentos e tendões.

 Os movimentos do ombro são assegurados por potentes músculos: o deltóide, que recobre a superfície do ombro e os músculos da coifa dos rotadores, mais profundos e que têm funções específicas na mobilidade.

 As lesões do ombro são causadas frequentemente por atividades desportivas que envolvem movimentos excessivos e repetitivos do braço acima da cabeça, como a natação, ténis e levantamento de pesos. Algumas atividades do dia-a-dia, como lavar janelas ou paredes, pendurar cortinas e a jardinagem também podem estar implicadas.