Instabilidade rotuliana

O que é?
Sintomas
Causas
Diagnóstico
Tratamento
Prevenção

O joelho é a maior articulação do corpo e a rótula é o osso que se situa na região anterior fazendo a ligação entre os músculos do fémur e os da tíbia, os dois osso envolvidos na articulação do joelho. Reforça e dá estabilidade à articulação permitindo a normal flexão e extensão do joelho. A instabilidade da rótula dá-se quando a rótula desliza para fora da sua articulação com o joelho e provoca dor e dificuldade de mobilização do membro inferior.

As instabilidades rotulianas caracterizam-se por dor na face anterior do joelho, resultante da incapacidade de suportar peso em posição de “semi-agachamento”.

A causa é multifatorial, no entanto a instabilidade pode depender da insuficiência das estruturas estabilizadoras, como são o ligamento patelo-femoral e o alinhamento do membro inferior.

O exame clínico consiste em observar a marcha e testar os movimentos de flexão e extensão do joelho. A inspeção e palpação da articulação do joelho permite avaliar a angulação dos movimentos bem como a verificação do alinhamento dos ossos e a tonicidade dos músculos. O estudo radiológico permite avaliar o posicionamento da rótula na articulação e despistar a presença de outras causas de dor como lesões dos músculos, ligamentos, cartilagem ou meniscos.

O tratamento desta patologia pode ser algo muito simples, como a alectomia (libertação da asa externa do joelho) ou ser necessário efetuar uma osteotomia da tuberosidade anterior da tíbia (realinhamento distal através de fratura programada e orientada).

Para prevenir a instabilidade rotuliana e manter os joelhos saudáveis deve:

  • Usar os sapatos certos para cada atividade (corrida, caminhadas)
  • Fazer sempre o aquecimento antes do exercício físico
  • Fazer exercícios para manter os músculos da coxa (quadríceps e isquiotibiais) fortes e flexíveis
  • Aumentar a intensidade ou a duração do exercício de forma gradual
  • Reduzir qualquer movimento que cause dor no joelho
  • Manter um peso saudável, reduzindo a pressão sobre estas articulações 
Fontes:

OrthoInfo, American Academy of Orthopaedic Surgeons

WebMD

Doenças relacionadas