Vou ter um bebé: o que devo saber?

Durante a gravidez o seu médico assistente deverá informá-la de como proceder ao longo da gravidez, em situações de urgência e na altura do parto. 

O médico deverá fazer o pedido de pré-autorização para o parto ou para a intervenção cirúrgica à sua seguradora ou sistema de saúde para que no momento do internamento o hospital disponha do respectivo termo de responsabilidade.

Em situações programadas – cesarianas ou induções de trabalho de parto – deverá ser informada do procedimento pelo seu médico assistente.

Ao chegar ao hospital deverá dirigir-se à recepção central para proceder ao internamento, sendo depois encaminhada para a Unidade de Obstetrícia e Neonatologia.

Em situações urgentes, deverá dirigir-se ao atendimento permanente, sendo avaliada pela equipa de serviço. Caso haja critérios para internamento, será admitida e serão iniciados os cuidados de acordo com situação sendo contactado o seu médico assistente para a acompanhar clinicamente.

Se não tiver médico assistente, será acompanhada pela equipa médica urgência, devidamente capacitada para lhe prestar todo o apoio necessário. Em qualquer situação será recebida pela equipa do serviço e instalada no quarto onde iniciará os procedimentos adequados à situação clínica.

A equipa do atendimento permanente é composta por obstetras, neonatologistas e enfermeiras especialistas e está disponível 24 horas por dia. 

 

Linha apoio 24h Maternidade
Maternidade

Visite a página dedicada à Maternidade onde poderá saber mais sobre o corpo clínico, consultas e tudo o mais acerca deste tempo tão especial.