COVID-19: Reorganização da rede CUF

COVID-19: Reorganização da rede CUF

Última atualização: 3 de abril de 2020

 

No contexto da pandemia de COVID-19 e tendo em conta o papel que desempenha no sistema nacional de saúde, a José de Mello Saúde e a sua rede CUF estão ao serviço dos seus clientes e do país.

Para garantir resposta às necessidades da população - sejam doentes com COVID-19, sejam todos os demais - a CUF reorganizou os seus hospitais e clínicas num novo modelo que entrou em funcionamento dia 23 de março (segunda-feira) às 00:00, e que está em vigor enquanto assim se justificar.

Este modelo obedeceu a dois princípios fundamentais: (i) dar resposta às necessidades de saúde dos doentes servidos pela rede CUF; (ii) garantir a segurança de todos os doentes e colaboradores de todos os hospitais e clínicas, segregando de forma rigorosa as instalações e circuitos de circulação de doentes COVID-19 dos restantes doentes.

 

Internamento

O tratamento em internamento de doentes com COVID-19 foi assumido pelos seguintes hospitais, ambos a funcionar 24h:

  • Hospital CUF Infante Santo 
  • Hospital CUF Porto

Os restantes hospitais CUF mantêm-se dedicados aos cuidados gerais da população para doentes não COVID-19, mantendo os respectivos serviços de internamento exclusivos para estes doentes não COVID-19.  

 

Atendimento Permanente

Por forma a reforçar as medidas de proteção de doentes e profissionais no contexto do surto COVID-19, existem alguns ajustamentos ao respetivo funcionamento e/ou horário.

Os serviços de Atendimento Permanente passam a estar organizados da seguinte forma:

 

  • Na área metropolitana de Lisboa

ADULTOS

Na cidade de Lisboa, o Atendimento Permanente CUF de adultos (exceto ginecologia-obstetrícia) está centralizado no Hospital CUF Infante Santo (aberto 24h).

Os doentes sem sintomas de COVID-19 que necessitem de atendimento urgente serão, em seguida, referenciados para o Hospital CUF Descobertas, cujo Atendimento Permanente de adultos recebe apenas doentes por referenciação interna de outros hospitais CUF. 

O Atendimento Permanente a grávidas (atendimento permanente de ginecologia-obstetrícia) permanece em funcionamento no Hospital CUF Descobertas mas apenas para casos não COVID-19. Casos as doentes tenham sintomas COVID-19 ou já tenham sido diagnosticadas com COVID-19 devem entrar em contacto directo com o seu médico assistente na CUF que definirá onde se devem dirigir.

 

Na restante área metropolitana de Lisboa:

Cascais: O Atendimento Permanente do Hospital CUF Cascais funciona apenas para assistência a doentes sem sintomas respiratórios e sem sintomas COVID-19.  Os doentes que apresentem sintomas respiratórios ou sintomas de COVID-19 não poderão ser admitidos no Hospital CUF Cascais, pelo que deverão dirigir-se diretamente para o Hospital CUF Infante Santo em Lisboa ou para um hospital público (SNS) mais próximo, em função da sua própria preferência e, naturalmente, da respetiva condição clínica. 
O horário de funcionamento do Atendimento Permanente de Adultos do Hospital CUF Cascais é entre as 8h00 e as 24h00, 7 dias por semana.

 

Sintra: O Atendimento Médico Não Programado de adultos do Hospital CUF Sintra está encerrado nesta fase. Os doentes sem sintomas respiratórios e sem sintomas COVID-19 poderão optar pelo Hospital CUF Cascais. Os doentes  que apresentem sintomas respiratórios ou sintomas de COVID-19 poderão optar pelo Hospital CUF Infante Santo em Lisboa ou por um hospital público (SNS) mais próximo em função da sua própria preferência e, naturalmente, da respetiva condição clínica.

 

Almada: O Atendimento Médico Não Programado de adultos da Clínica CUF Almada está encerrado nesta fase. Os doentes poderão optar pelo Hospital CUF Infante Santo em Lisboa ou por um hospital público (SNS) mais próximo em função da sua própria preferência e, naturalmente, da respetiva condição clínica. 

 

CRIANÇAS

O Atendimento Permanente CUF para crianças está centralizado no Hospital CUF Descobertas (aberto 24h).

Em caso de urgência, as crianças devem dirigir-se ao ao Atendimento Permanente Pediátrico do Hospital CUF Descobertas. Se for necessário, será feita uma triagem de despiste para a COVID-19. No caso de episódio confirmado de COVID-19, estas crianças não poderão ser tratados no Hospital CUF Descobertas uma vez que por indicação da DGS, o tratamento de doentes pediátricos com COVID-19 está concentrado em hospitais de referência do SNS.

Está encerrado, temporariamente, o Atendimento Permanente para crianças dos hospitais CUF Cascais e CUF Sintra e da Clínica CUF Almada.

 

  • No Porto

Mantém-se em funcionamento o Atendimento Permanente para adultos e crianças, sendo o horário de funcionamento entre as 9h00 e as 22h00.

 

  • Em Torres Vedras

Mantém-se em funcionamento 24 horas por dia, o Atendimento Permanente de adultos. É realizada triagem de doentes COVID-19 e, em caso de necessidade de internamento, os doentes serão referenciados dentro da rede CUF ou para um hospital público (SNS). 

Está encerrado, temporariamente, o Atendimento Permanente de crianças.

 

  • Em  Santarém

Mantém-se em funcionamento 24 horas por dia, o Atendimento Médico Não Programado de adultos. É realizada triagem de doentes COVID-19 e, em caso de necessidade de internamento, os doentes serão referenciados dentro da rede CUF ou para um hospital público (SNS).

Está encerrado, temporariamente, o Atendimento Médico Não Programado de crianças.

 

  • Em Viseu

Mantém-se em funcionamento o Atendimento Permanente de adultos. O horário de funcionamento é entre as 8h00 e as 22h00. É realizada triagem de doentes COVID-19 e, em caso de necessidade de internamento, os doentes serão referenciados dentro da rede CUF ou para um hospital público (SNS).

Mantém-se em funcionamento o Atendimento Permanente para crianças sem sintomas de COVID-19. O horário de funcionamento é entre as 10h00 e as 20h00.

 

  • Em Coimbra

Está encerrado, temporariamente, o Atendimento Médico Não Programado de adultos e de crianças.

 

Consultas, Exames e Tratamentos


A CUF mantém a sua rede de hospitais e clínicas dedicada à prestação de cuidados à população (consultas, exames e tratamentos), dando prioridade nesta fase à marcação de consultas, exames e tratamentos que sejam urgentes e importantes.

A prestação destes cuidados é feita em áreas dos hospitais completamente segregadas de doentes COVID-19, por forma a garantir a máxima segurança a doentes e profissionais de saúde.

No caso do Hospital CUF Infante Santo, as consultas e a maior parte dos exames são realizados num edifício na Avenida Infante Santo, completamente separado do edifício do Hospital. No caso dos poucos exames que são realizados no edifício do Hospital, existem também circuitos segregrados por forma a garantir que não há cruzamento com os doentes COVID-19. 

No caso do Hospital CUF Porto, é usada uma zona do edifício exclusivamente dedicada a doentes não COVID-19, pelo mesmo motivo.

Se precisar marcar uma consulta, um exame ou um tratamento, telefone para o seu Hospital ou Clínica CUF (consulte os respetivos contactos telefónicos aqui). O seu pedido será avaliado pelo seu médico assistente (ou por um médico da especialidade em causa, caso não tenha ainda um médico assistente) que recomendará a melhor linha de atuação: consulta presencial, teleconsulta ou outra linha de atuação que seja a mais adequada ao seu caso.
 

 

Teleconsulta

A CUF disponibiliza aos seus clientes o serviço de Teleconsulta, contribuindo desta forma para a redução de deslocações evitáveis aos hospitais e clínicas CUF. 

A teleconsulta está disponível para a maioria das especialidades, incluindo desde logo Medicina Geral e Familiar, Medicina Interna e Pediatria. Conheça as especialidades e médicos com teleconsulta disponível aqui 
 

 

My CUF

Para evitar deslocações desnecessárias às clínicas e hospitais CUF, recomendamos ainda aos nossos clientes que adiram ao My CUF, onde poderão digitalmente gerir as respetivas marcações de consultas ou exames e receber resultados de exames, entre outras funcionalidades. Adira ao My CUF aqui.

Reorganização da rede CUF - ADULTOS
Reorganização da rede CUF - CRIANÇAS
Reorganização da rede CUF gravidas