COVID-19: Cuidados a ter no supermercado

COVID-19
Prevenção e bem-estar
4 mins leitura

Há várias precauções que pode e deve adotar da próxima vez que for ao supermercado para se proteger a si e aos outros da infeção por COVID-19. Tome nota.

Uma das medidas mais eficazes que podemos colocar em prática para diminuirmos o nosso risco de infeção por COVID-19 é ficar em casa, praticando o distanciamento social. As saídas devem ser feitas apenas para recorrer a serviços essenciais, como as idas ao supermercado. Fique a conhecer todos os cuidados que deve ter antes, durante e depois de fazer as suas compras para se proteger a si e aos outros do contágio pelo novo coronavírus.

 

Antes de ir às compras, planeie

A Direção-Geral da Saúde recomenda o planeamento das suas compras para um período de 15 dias para evitar idas frequentes e demoradas ao supermercado. Faça uma lista organizada de todos os artigos que precisa de comprar. Para isso:

  • Verifique que alimentos ainda tem em casa.
  • Perceba qual é a sua capacidade de armazenamento do seu frigorífico e congelador.
  • Planeie as suas refeições.

Além disso, faça os possíveis para que a sua ida ao supermercado não coincida com as horas de pico, em que este espaço tem maior afluência de pessoas. Experimente, por exemplo, ir logo na hora de abertura.

 

Basta uma pessoa no supermercado

Para diminuir a exposição do agregado familiar ao coronavírus, quanto menos membros da família forem ao supermercado, melhor. Se possível, deixe os seus filhos em casa.
 

Atenção!

Fique em casa se não se sentir bem. Se manifestar sintomas como febre ou tosse, contacte a linha SNS24 (808 24 24 24) e siga as indicações que lhe forem dadas. Caso sinta dificuldade respiratória, ligue 112.

 

Cuidados a ter no supermercado

Quando vai ao supermercado, há algumas medidas que pode e deve adotar para reduzir o seu risco de ser infetado pelo novo coronavírus ou até de contagiar outras pessoas, caso esteja infetado sem ter conhecimento. Coloque em prática estas precauções:

  • Lave as suas mãos com água e sabão antes e depois de ir às compras ou desinfete-as com uma solução à base de álcool com regularidade. Este gesto mata o vírus, caso este se encontre nas suas mãos.
  • Mantenha no mínimo dois metros de distância das outras pessoas. Isto porque, caso alguém tussa ou espirre, podem ser expelidas pequenas gotículas pelo nariz ou boca que podem conter o vírus.
  • Utilize uma máscara.
  • Evite levar as mãos aos olhos, nariz ou boca. As nossas mãos tocam em várias superfícies ao longo do dia e é importante ter a consciência de que algumas delas podem estar contaminadas com o vírus. Ao levar as mãos ao rosto, o vírus pode entrar no nosso corpo.
  • Respeite as medidas de higiene respiratória: sempre que espirrar ou tossir, tape a sua boca e nariz com um lenço ou com a dobra do cotovelo. Deite o lenço para o lixo imediatamente depois de o usar.
  • Desinfete o seu carrinho de compras com toalhitas desinfetantes.
  • Evite tocar nos alimentos, a não ser para os colocar no carrinho das compras.

 

Em casa: Como desinfetar os seus artigos

Depois de chegar do supermercado com as suas compras, antes de as arrumar na despensa e no frigorífico, há algumas precauções que deve ter.

  • Deixe os sacos das compras no exterior da habitação, trazendo um de cada vez para dentro de casa para desinfetar os artigos que comprou antes de os arrumar.
  • Use spray ou toalhitas desinfetantes para limpar o exterior das embalagens. Se possível, deite fora as embalagens do pão e cereais, armazenando-os noutros recipientes.
  • Lave e esfregue a fruta e legumes durante 20 segundos.
  • Depois de arrumar as suas compras, desinfete as bancadas e qualquer outra superfície em que tenha tocado.
  • Lave as suas mãos depois de abrir quaisquer embalagens, incluindo caixas de cartão.
  • Se costuma utilizar sacos de compras reutilizáveis, mantenha-os no exterior da sua casa ou no carro, já que podem estar contaminados com o vírus. Lave-os assim que possível.

 

A COVID-19 pode ser transmitida através dos alimentos?

Até ao momento, não existem evidências de que possa ocorrer a contaminação através do consumo de alimentos cozinhados ou crus, segundo a Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar e a Organização Mundial da Saúde. Ainda assim, é aconselhável que, por precaução, aplique as boas práticas de higiene e segurança alimentar quando estiver a preparar os seus alimentos. Destas, destacam-se:

  • Lavagem frequente e prolongada das mãos (com água e sabão durante 20 segundos).
  • Desinfeção de bancadas e mesas com produtos apropriados.
  • Evitar a contaminação entre alimentos crus e cozinhados.
  • Cozinhar e “empratar” a comida a temperaturas apropriadas.
  • Lavagem adequada dos alimentos crus.
  • Evitar partilhar comida ou objetos durante a preparação, confeção e consumo.
  • Adotar as medidas de etiqueta respiratória.