Este website utiliza cookies para nos ajudar a prestar-lhe um melhor serviço aquando da sua visita ao nosso site. Ao continuar a utilizar este website, está a permitir a nossa utilização destes cookies. Para mais informações consulte os nossos termos e condições. Termos e Condições Continuar

PACOPAR - A Indústria Química na Comunidade

junho 2017

A CUF, a Dow Portugal, o Air Liquide, a CIRES e a AQP, juntamente com a APEQ, convidaram a Câmara de Estarreja, os bombeiros locais e a GNR, o Hospital e a Delegação de Saúde, os agrupamentos escolares, a Universidade de Aveiro e algumas juntas de freguesia fundaram o Pacopar – painel consultivo comunitário do programa de atuação responsável de Estarreja.

A aventura começou em janeiro de 2001, quando as seis empresas do Complexo Químico de Estarreja decidiram mostrar o seu empenho com o compromisso internacional de atuação responsável. Que já haviam assinado e que orientava toda a sua atividade interna.

 

A CUF – então Quimigal -, a Dow Portugal, o Air Liquide, a CIRES e a AQP, juntamente com a APEQ, a associação representativa do setor, convidaram a Câmara de Estarreja, os bombeiros locais e a GNR, o Hospital e a Delegação de Saúde, os agrupamentos escolares, a Universidade de Aveiro e algumas juntas de freguesia fundaram o Pacopar – painel consultivo comunitário do programa de atuação responsável de Estarreja.

 

Os primeiros anos foram intensos. Multiplicaram-se as iniciativas e os eventos. E o reconhecimento não tardou.

 

O Pacopar tem como missão desmitificar os perigos da indústria química em Estarreja. Através de uma politica de transparência e abertura à Comunidade, pretende-se sensibilizar os jovens para os benefícios da ciência e melhorar a qualidade de vida em Estarreja, promovendo um desenvolvimento sustentável.

 

Para isso, é essencial um relacionamento de confiança com a Comunidade.

 

As reuniões plenárias são o coração do Pacopar. Todos os parceiros participam e contribuem com sugestões e criticas. E, no final, saem as decisões que irão ser executadas pelos Grupos de Trabalho e, mais tarde, levadas até à Comunidade

 

No seu dia-a-dia, o trabalho do Pacopar é absorvente. O painel está organizado em Grupos de Comunicação, Prevenção de Riscos, Ambiente…

 

E é do trabalho de cada um destes Grupos que surgem as principais atividades. Ações como aquelas que mobilizaram milhares de estudantes do ensino básico e secundário de todo o concelho de Estarreja para a sensibilização à química e à ciência e deram origem ao QUIZ Pacopar, criado em parceria com a Science4You. E que acabou por ser transformado numa inovadora app.

       

Ou uma outra app, Trekking BioRia, que ajuda a divulgar o património natural do concelho

       

O acesso a esta aplicação não podia ser mais fácil. É gratuita e está disponível nas lojas online da apple e android. Depois de instalada permite conhecer os oito percursos pedestres de Salreu. De onde partem, quais as paisagens que atravessam, graus de dificuldade…

       

Ou, se o utilizador preferir, pode consultar o Guia de Campo onde estão mais de 200 fichas individuais de toda a fauna e flora da região do baixo vouga lagunar. Todos os mamíferos, anfíbios, aves e plantas que podem ser observadas durante os percursos do BioRia.

 

É com gestos como este – e com iniciativas concretas - que as empresas químicas de Estarreja mostram o seu compromisso com a Comunidade que as acolhe.

Topo